Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/1228
acessibilidade
Title: Trajectórias de autonomia e gestão do conhecimento em unidades de I&D: o estudo de uma rede multinacional
Authors: Manatos, Maria João Paiva
Orientador: Urze, Paula
Keywords: I&D
Redes multinacionais
Autonomia
Conhecimento
Indústria electrónica
R&D
Multinational network
Autonomy
Knowledge
Electronic industry
Issue Date: 2009
Citation: MANATOS, Maria João Paiva - Trajectórias de autonomia e gestão do conhecimento em unidades de I&D: o estudo de uma rede multinacional [Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2009. Tese de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/1228>.
Abstract: Actualmente, o conceito de sociedade e de economia do conhecimento surgem do reconhecimento da importância do conhecimento e da inovação para o desenvolvimento económico (Soete, 2000). Na verdade, os recentes desenvolvimentos de uma economia que é, simultaneamente, informacional, global e em rede (Castells, 2005), mudaram o modo como as empresas multinacionais organizam a sua actividade inovadora (Cantwell e Narula, 2001). Na verdade, assistimos actualmente, a uma tendência crescente rumo à internacionalização de funções consideradas estratégicas, como a I&D, o que parece estar também associado à possibilidade das subsidiárias gerarem produtos e processos inovadores (Dunning, 2000; Cantwell e Mudambi, 2005). Esta dissertação tem como objectivo compreender as lógicas de gestão de uma rede multinacional, no que respeita, às estratégias de deslocalização de I&D para as suas subsidiárias, focando dois conceitos centrais: a autonomia das subsidiárias e a transferência de conhecimento. Para tal, recorremos ao método do estudo de caso, privilegiando a técnica da entrevista, e focámos a investigação em duas subsidiárias (em Portugal e na Holanda) e na sede (na Noruega). Esta é uma pequena multinacional da indústria electrónica, mas com presença em vários países, e com uma história e trajectória muito particulares. A nível de estrutura organizacional mostra-se uma empresa com traços de estrutura hierárquica, pela centralização da actividade essencial de I&D e das decisões estratégicas, mas também com características “heterárquicas” e flexíveis, pela deslocalização de competências de Desenvolvimento local e das decisões locais para as subsidiárias e pela procura de criação de uma empresa em rede, uniforme e estruturada.
Nowadays, the concept of knowledge economy comes from the acknowledgement of the importance of knowledge for economic growth (Soete, 2000). Actually, the important developments in the economy, which is an informational, global and network economy (Castells, 2005), changed the way in which companies organize their innovative capacity (Cantwell e Narula, 2001). As a matter of fact, we witness a tendency for the internationalization of strategic functions, like R&D, which seems to be associated with the capacity of subsidiaries to generate innovative processes and products (Dunning, 2000; Cantwell e Mudambi, 2005). The goal of this dissertation is to understand the logics of a multinational network, in what concerns the strategies of R&D delocalization to other subsidiaries, focusing on two main concepts: the subsidiaries’ autonomy and the knowledge transference. In this manner, we used the method of case study and mainly the technique of interview and we focused the research in two subsidiaries (in Portugal and in Netherlands) and in the headquarters (in Norway). This is a small multinational company of the electronic industry, but has subsidiaries in several countries and has a history and a trajectory very peculiar. Concerning the organizational structure, this multinational company has characteristics of a hierarchical structure, taking into account the centralization of the core R&D and the strategic decisions; but has also heterarchical and flexible characteristics, because of the delocalization of local Development and of the local decisions to the subsidiaries, and due to the attempt of the creation of a structured, uniform and network company.
URI: http://hdl.handle.net/10071/1228
Designation: Mestrado em Sociologia
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
dissertação Maria Manatos.pdf1.06 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.