Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/11488
acessibilidade
Title: O contágio da crise da dívida soberana europeia aos mercados acionistas e o seu impacto nas ações do setor financeiro
Authors: Pereira, Pedro Miguel Martins da Silva
Orientador: Lagoa, Sérgio Miguel Chilra
Keywords: Contágio financeiro
Mercado acionista
Setor financeiro
Crise da dívida soberana da área do euro
GARCH-DCC
Financial contagion
Stock market
Financial sector
Euro sovereign debt crisis
Issue Date: 2015
Citation: PEREIRA, Pedro Miguel Martins da Silva - O contágio da crise da dívida soberana europeia aos mercados acionistas e o seu impacto nas ações do setor financeiro [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2015. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/11488>.
Abstract: O presente estudo analisa o co-movimento entre o mercado de dívida soberana da Grécia e os mercados acionistas de Portugal e Alemanha e, ainda, entre o mercado de dívida soberana portuguesa e o mercado acionista alemão, durante todo o período da crise da dívida soberana da área do euro (outubro de 2009 a julho de 2015). Este trabalho tem dois objetivos fundamentais. O primeiro consiste em investigar a existência de episódios de contágio do mercado obrigacionista de um país ao mercado acionista de outro país da Zona Euro, no contexto da crise da dívida, e o segundo em averiguar a ocorrência de contágio especificamente às ações das empresas que integram o setor financeiro (bancos, seguradoras e empresas de serviços financeiros diversos), no sentido de determinar se o efeito de contágio a este setor específico é superior ao verificado no mercado acionista como um todo. Este estudo permite também avaliar se o impacto da crise da dívida nos mercados acionistas varia em função do risco soberano do país do próprio mercado, uma vez que são analisados os mercados acionistas de países com classes de risco distintas, nomeadamente, Portugal e Alemanha. A análise baseia-se na estimação de modelos econométricos GARCH-DCC para obtenção da correlação dinâmica entre os mercados, utilizando dados diários das yields das OT’s com maturidade a 10 anos da Grécia e de Portugal e dos índices acionistas portugueses PSI-20 e PSI Financeiro, e alemães DAX-30 e DAX Financeiro, sendo subsequentemente avaliada a variação da correlação em cada um dos períodos de crise identificados face a um período de referência (pré-crise). Os resultados obtidos comprovam a ocorrência de episódios de contágio do mercado de dívida soberana da Grécia aos mercados acionistas de Portugal e Alemanha e, também, embora numa escala mais reduzida, do mercado de dívida soberana portuguesa ao mercado acionista alemão, quer ao mercado como um todo, quer às ações das empresas do setor financeiro. Os resultados não sugerem, no entanto, a existência de um efeito de contágio superior às ações das empresas que integram o setor financeiro.
The purpose of this study is to analyse the co-movement between the Greek government bonds and the Portuguese and German stock markets, and also between the Portuguese government bonds and the German stock market, throughout the sovereign debt crisis in the euro area (October 2009 to July 2015). This paper has two main goals. The first one is to investigate the existence of contagion episodes from one country’s government bond market to another euro area country’s stock market in the context of the European sovereign debt crisis, and the second one is to study the occurrence of contagion specifically to the financial sector companies’ stocks (banks’ stocks) in order to determine whether the contagion effect to this specific sector is somewhat higher than to the market as a whole. This paper also assesses if the impact of the euro area sovereign debt crisis in stock markets depends on the market’s country risk itself by investigating contagion to countries belonging to different risk categories, specifically, Portugal and Germany. The analysis is based on the estimation of GARCH-DCC models in order to obtain the dynamic correlation between markets using daily data of the 10-Year Government bonds’ yields of Greece and Portugal and of the Portuguese stock indices PSI-20 and PSI Financial, and the German stock indices DAX-30 and DAX Financial. The correlation variation in the identified crisis periods compared to the benchmark periods (pre-crisis) is subsequently assessed. The results confirm the existence of contagion episodes from the Greek government bond market to the Portuguese and German stock markets, and, on a smaller scale, from the Portuguese government bond market to the German stock market. This is true for both the stock market as whole and for the stocks of financial sector companies. The results, however, do not suggest that there is a higher contagion effect on the stocks of the financial sector companies.
Description: Códigos JEL: E44, G01 e G21
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/11488
Thesis identifier: 201149109
Designation: Mestrado em Economia Monetária e Financeira
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
2015_ECSH_MPereira.pdf1.41 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.