Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/11403
acessibilidade
Title: Parque de Arte Contemporânea Monsanto
Authors: Henriques, Joana R. S. Simões
Orientador: Neves, José Soares
Pinharanda, João
Keywords: Museu
Arte contemporânea
Arte pública
Parques de escultura
Turismo cultural e ambiental
Museum
Contemporary art
Public art
Sculpture parks
Cultural and environmental tourism
Issue Date: 2016
Citation: HENRIQUES, Joana R. S. Simões - Parque de Arte Contemporânea Monsanto [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2016. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/11403>.
Abstract: Ao longo deste trabalho de projeto definem-se as principais características do projeto curatorial de um parque de arte contemporânea no Parque Florestal de Monsanto, Lisboa, e sua descrição. É um estudo qualitativo baseado em investigação, observação participativa e não participativa e em entrevistas. Pensar num parque de arte contemporânea para Monsanto é pensar em dinamização cultural, artística, social e ecológica. A principal questão de partida deste projeto é: Em que condições poderá ser implantado e quais as características de um parque de arte em Monsanto? Este projeto tem como objetivo a dinamização do Parque Florestal de Monsanto, a articulação entre arte, natureza, fruição e entretenimento e visa ainda reforçar o papel da cultura como forma de crescimento económico. Os conceitos de museu e de arte pública são fundamentais para o desenho curatorial e o estudo de diversos parques de escultura na Europa e na América permitiu perceber as especificidades do parque projetado. O conceito de turismo cultural e ambiental é importante, como recurso de viabilidade económica e como fator de desenvolvimento sustentável do projeto. O parque de arte contemporânea aqui projetado estará integrado numa área circunscrita, não vedada, do Parque Florestal de Monsanto, Lisboa, com um desenho de gestão público-privada, e com curadoria e programação autónomas. Concluiu-se a preferência por obras de escultura com características de conservação adaptadas ao exterior, em espaço ao ar livre, e por uma seleção de artistas que privilegiem projetos site-specific. Embora o fator central deste projeto não seja a sua localização, mas sim o conceito do parque, não se pretende o distanciamento da sua ligação a Monsanto, mas sim um diálogo e interação constantes com este parque florestal e com os seus visitantes.
The present project work defines and describes the main features of the curatorial project for a contemporary art park in the Monsanto Forest Park, in Lisbon. It is a qualitative study, based on research, participant and non-participant observation and in interviews. To conceive a contemporary art park for Monsanto Forest Park means also to focus on the area's cultural, artistic, social and ecological development. The main question behind this project is: Under which conditions can an art park be implanted in Monsanto, and what characteristics should it have? This project's aims are the development of Monsanto Forest Park, the combination of art, nature, enjoyment and entertainment, and the emphasising of culture's role as a means to economic growth. The concepts of museum and public art are essential to the curatorial outline of the project and the study of several sculpture parks in Europe and in America has allowed to understand the specificities of the park designed. The concept of cultural and environmental tourism is important, both as a resource for economic viability and as a factor in the project's sustainable development. The contemporary art park envisaged here will be integrated in a delimited area, not fenced, of the Monsanto Park, Lisbon, that, being under public-private management, is curated and programmed separately from the rest of the grounds. It was decided to give preference to sculpture works fit for open-air display, by a selection of artists largely concerned with developing site-specific projects. Even though the main element in this project is the park's concept, rather than its location, it should not be disconnected from the rest of Monsanto, but engage in constant dialogue and interactions with that forest park and its visitors.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/11403
Designation: Mestrado em Gestão e Estudos da Cultura
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
trabalho projeto_parque monsanto_joana henriques_ISCTE.pdf4.25 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.