Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/1140
acessibilidade
Title: A engenharia militar portuguesa: história, transformação da defesa e interesse nacional
Authors: Pinto, João Rebocho
Orientador: Telo, António José
Keywords: Engenharia Militar
Transformação da Defesa
Interacção Civil-Militar
Legitimação Social
Military Engineering
Defense Transformation
Civil-Military Interaction
Social Legitimation
Issue Date: 2008
Citation: PINTO, João Rebocho - A engenharia militar portuguesa: história, transformação da defesa e interesse nacional[Em linha]. Lisboa: ISCTE, 2008. Tese de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/1140>.
Abstract: Propõe-se o repensar do papel da Engenharia Militar, sem perder de vista o seu percurso histórico, num ambiente marcado pelo processo externo de transformação da defesa. Isto, aproveitando a janela de oportunidade que é constituída pelos processos internos de reorganização e reequipamento das Forças Armadas e, em particular, do Exército, que ocorrem num ciclo de transformação social, política e económica, marcado por importantes fragilidades estruturais. Face a uma tipologia de missões que cada vez mais exigem capacidades para além do combate, e ao reforço do papel das Forças Armadas e da Engenharia em particular, como instrumento de política externa, esta tenderá a afirmar-se e a crescer nos exércitos europeus, com novas competências e uma capacidade de articulação e inter-operacionalidade, quer com os serviços de protecção civil, quer com forças congéneres. A Engenharia é a arma para a qual o contacto com as populações é mais natural e habitual, tanto na paz como na guerra, sendo aquela que mais pode fazer por elas. Com a crescente valorização no campo doutrinal militar de aspectos relacionados com a cooperação, integração e interpenetração civil-militar, bem como o alargamento do leque de missões das Forças Armadas, percebe-se que estamos perante um quadro dinâmico e evolutivo. O reconhecimento da sua importância e a adesão social, espontâneos ou induzidos, são determinantes para um processo deste tipo. A sociedade não aceitará Forças Armadas cuja finalidade não compreenda, pelo que se colocam questões de legitimação social do papel e das missões das Forças Armadas e do Exército em particular.
One proposes the rethinking of the Military Engineering role without losing sight of its historical course, in an environment influenced by the external process of defense transformation. This, taking advantage of the opportunity window created by the internal processes of reorganization and re-equipment of the Armed Forces, and in particular of the Army, which happens within a social, political and economical transformation cycle, marked by important structural weaknesses. In view of a typology of missions which demands more and more capacities beyond combat and of the strengthening of the Armed Forces role, and of Engineering in particular, as an instrument of external politics, the latter will tend to affirm itself and grow within the European armies with new competences and with articulation and inter-operative capacities, either with the civil protection services or with congener forces. Engineering is the arm to which the contact with the populations is more natural and usual, both in peace and war, being the one that can do more for them. With the increasing valuation of aspects related with civil-military cooperation, integration and interpenetration within the field of military doctrine, as well as the widening of the Armed Forces missions range, one understands to be facing a dynamic and in constant evolution cadre. The recognition of its importance and social adhesion, both spontaneous or induced, are determinant for such a process. Society will not accept Armed Forces whose aim it doesn’t understand. Therefore questions of social legitimation of the Armed Forces role and missions, and of the Army in particular, are raised.
URI: http://hdl.handle.net/10071/1140
Designation: Mestrado em História, Defesa e Relações Internacionais
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Engenharia Militar Portuguesa.pdf549.95 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.