Skip navigation
User training | Reference and search service

Library catalog

EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/11392
acessibilidade
Title: Dual identification and intergroup relations: the role of superordinate category relevance
Authors: Moura, Beatriz Lloret Alves de
Orientador: Waldzus, Sven
Crisp, Richard
Keywords: Saliência
Identidade dupla
Identidade social
Auto-categorização
Salience
Dual identities
Social identity
Self-categorization
Issue Date: 2015
Citation: MOURA, Beatriz Lloret Alves de - Dual identification and intergroup relations: the role of superordinate category relevance [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2015. Tese de doutoramento. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/11392>.
Abstract: The research in this thesis intends to clarify the cognitive conditions for dual identities. Dual identities are defined as the simultaneous activation of two social self-categorizations of different levels of abstraction: a subordinate self-category and a superordinate one. Studying this phenomenon is important for social sciences because dual identities are often considered a strategy to reduce the preference for one´s own group. Finding the factors that moderate the effects of dual identities will help in deciding when to use dual identities as bias reduction strategy. Self-categorization theory assumes a functional antagonism between the salience of two nested self-categories which conflicts with dual identities; however from the perspective of recategorization it is possible to adopt a superordinate and a subgroup identity simultaneously. In this thesis we argue that both situations might be possible and that the comparisons between subordinate categories are a moderating factor in dual identities. We consider two types of superordinate categories. Non-relevant are those that do not support comparisons and relevant the ones that are a frame for subcategories comparison. We developed an experimental paradigm with a lexical decision task: response latencies to superordinate self-categorization were considered indicators of the possibility of dual identities. We ran 4 experiments (N1=40, N2=60, N3=53, N4=59). In the first experiment we measured response latencies of participants after making subgroup identity salient. In the following experiments we additionally manipulated the salience of the lower level of categorization in different manners. In experiments 3 and 4 we manipulated the comparisons as well. Our results shows that the activation of the subordinate level can facilitate the salience of superordinate self-categorization in non-comparison situations; but it can also inhibit it in comparison conditions
A investigação descrita nesta tese pretende clarificar as condições cognitivas para a existência de duplas identidades. Entende-se por dupla identidade a activação simultânea de dois níveis de auto-categorização social: um nível subordinado e um superordenado. O estudo deste fenómeno é importante porque a dupla identidade foi considerada uma estratégia de redução dapreferência pelo próprio grupo social. A teoria da auto-categorização social assume um antagonismo funcional entre a saliência de duas auto-categorizações. No para a perspectiva da Recategorização social é possível adoptar simultaneamente uma auto-categorizacao supraordenada e uma subordinada. Nesta tese testamos a hipótese de que a comparação entre categoriassubordinadas é o factor que modera os efeitos da dupla identidade. Consideraram-se dois tipos de categorias superordenadas: não-relevantes, aquelas que não servem de suporte às comparações entre categorias subordinadas e relevantes, que são um marco para estas comparações. Desenvolveu-se um paradigma experimental utilizando uma tarefa de decisão lexical em que os tempos de latênciade palavras relacionadas com superordenadas seriam indicadores da possibilidade de utilizar de dupla identidade. Foram realizadas 4 experiencias (N1=40, N2=60, N3=53, N4=59). Na primeira mediram-se os de latência dos participantes depois de tornar saliente categorização subordinada. Nas restantes manipulou-se adicionalmente a saliência da categorização subordinada de diferentes formas. Nas experiências 3 e 4 manipulou-setambém a comparação entre grupos subordinados. Os resultados mostraram que a saliência do nível subordinado de categorização pode facilitar a saliência do nível superordenado de categorização quando não são feitas comparações; podendo também inibi-la quando há comparação.
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10071/11392
Thesis identifier: 101344503
ISBN: 978-989-732-861-9
Designation: Doutoramento em Psicologia
Appears in Collections:T&D-TD - Teses de doutoramento

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
PhD_Thesis_BLloret.pdf1.82 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.