Skip navigation
Logo
User training | Reference and search service

Library catalog

Retrievo
EDS
b-on
More
resources
Content aggregators
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/10071/11075
acessibilidade
Title: Os jovens e a política: quais as motivações que levam os jovens a aderir aos partidos políticos em Portugal?
Authors: Tomás, Patrícia Alexandra dos Santos
Orientador: Freire, André
Keywords: Jovens
Partidos políticos
Filiação partidária
Participação política
Socialização política
Eleições
Young people
Political parties
Party membership
Political participation
Political socialization
Elections
Issue Date: 2015
Citation: TOMÁS, Patrícia Alexandra dos Santos - Os jovens e a política: quais as motivações que levam os jovens a aderir aos partidos políticos em Portugal? [Em linha]. Lisboa: ISCTE-IUL, 2015. Dissertação de mestrado. [Consult. Dia Mês Ano] Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10071/11075>.
Abstract: Esta dissertação centra-se na relação dos jovens com a política, mais concretamente nas motivações que levam os jovens a aderir aos partidos políticos em Portugal. Esta temática é cada vez mais estudada em Portugal e noutras regiões do mundo, dada a importância dos jovens no futuro da sociedade democrática. Com este trabalho exploratório procurámos perceber sobretudo se os jovens decidem filiar-se numa organização partidária devido a motivos morais, sociais ou profissionais, se a família tem influência na filiação do jovem e se o momento da filiação é coincidente com a altura em que decorrem atos eleitorais. Para a prossecução deste objetivo, partimos dos principais contributos teóricos para o estudo dos partidos políticos e recorremos a uma metodologia de investigação qualitativa. Para a recolha dos dados, procedemos à aplicação de entrevistas semi-diretivas a vinte jovens militantes portugueses dos principais partidos políticos (CDS-PP, PSD, PS, PCP, e BE).
This thesis focuses on the relationship of young people with politics, more specifically, the motivations that lead young people to join political parties in Portugal. This issue is increasingly studied in Portugal and also other world regions, given the importance of young people in the future of democratic society. With this exploratory work we tried to realize especially if young people decide to join in a party organization because of moral, social or professional reasons, if the family influences the membership of young people and if the moment of membership matches with electoral acts. For pursuing this goal we started from the main theoretical contributions to the study of political parties and resorted to a qualitative research methodology. For the collection of data we proceeded to the application of semi-directive interviews to twenty Portuguese young activists of the main political parties (CDS-PP, PSD, PS, PCP, and BE).
Peer reviewed: Sim
URI: http://hdl.handle.net/10071/11075
Thesis identifier: 201089238
Designation: Mestrado em Ciência Política
Appears in Collections:T&D-DM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
acessibilidade
File Description SizeFormat 
Dissertação em Ciência Politica patricia tomas.pdf1.25 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.